Viajar mais vezes por ano com certeza entrou na sua lista de coisas para fazer em 2019, e talvez, você não tenha conseguido tirar essa ideia do papel.

Os motivos claro, podem ser muitos e listá-los aqui seria inútil. Sem contar que já estamos quase no fim do ano e 2020 já está batendo na nossa porta. A boa notícia é que nunca é tarde para começar a planejar-se e concretizar o sonho de conhecer aquele destino tão desejado.

Pra te ajudar nessa missão (além das muitas outras dicas que já publicamos por aqui) criamos esse guia com dicas práticas, dessas que dá pra fazer no dia-a-dia mesmo, que vão te ajudar a viajar mais. Aproveite!

Dicas práticas para viajar mais – Dinheiro

1. Estude seus gastos mensais

Há algo que possa ser cortado? Faça uma analise detalhada do seu orçamento e só então responda essa pergunta. Temos uma certa tendência em pensar que não.

Você precisa mesmo de Tv a cabo? Quanto você gasta por mês em pequenas coisas como cafezinhos no dia-a-dia, jantar fora ou pedir um pizza? Tem carro? Ficaria mais barato usar o transporte público ou ir de bike?

2. Tenha uma poupança de viagem e dê um nome a ela

Depois de analisar o seu orçamento e entender quais gastos podem ser cortados ou diminuídos, defina quanto você pode guardar todos os meses para sua poupança de viagem. Mande esse dinheiro todos os meses assim que receber o seu salário.

3. Aprenda sobre investimentos

Estudar um pouquinho sobre investimentos e como eles podem te ajudar a alcançar mais rápido seu objetivo, além de super importante para sua saúda financeira, também vale como uma boa dica para te ajudar a viajar mais.

Comece com um CDB ou Tesouro Selic, que são investimentos tão seguros quanto a poupança mas com a vantagem de renderem mais, como mostra o Leandro Benincá, especialista em finanças pessoaisnessa publicação.

Se estiver planejando uma viagem mais longa, envolvendo muitos destinos, paradas etc. outros tipos de investimos de médio e longo prazo são mais adequados. Nessa mesma publicação você também vai entender mais sobre eles.

4. Não faça compras desnecessárias

Não fazer compras desnecessárias é outro ponto importantíssimo para você que está planejando uma viagem. E a regra vale para tudo: desde roupas, calçados e até no supermercado.

Você precisa mesmo de 5 pares de sapatos, 20 camisas, 8 calças jeans? Será que os preços daquele supermercado com ar-condicionado e que toca músicas durante suas compras não é maior?

O consumo exagerado, além de prejudicial ao meio ambiente, é outro grande vilão quando o assunto é economizar e planejar o orçamento da sua viagem.

5. Livre-se de coisas que não usa mais: coloque tudo à venda

Dê uma olhada agora no seu armário e provavelmente irá encontrar alguma peça – ou várias – em bom estado mas que há tempos você não usa mais. Que tal montar um bazar em seu bairro e colocar tudo à venda?

Nem sempre essa é a saída para todo mundo, mas vender algo que você não precisa pode te ajudar a financiar até uma viagem mais curta, de férias mesmo. 

Por exemplo: um videogame, câmera, livros, um instrumento musical…

6. Priorize o que for mais importante para você

Tudo é uma questão de prioridades. Não há nada de errado em gostar de sair para jantar fora, ir ao cinema ou beber com os amigos no fim de semana. Mas se o seu orçamento não comporta esses gastos e ainda os que envolvem sua viagem, terá que priorizar o que for mais importante.

Dicas práticas para viajar mais – Planejamento

7. Decida com antecedência

Mesmo com tantas dicas práticas para você viajar mais, é importante programar-se para que as coisas saiam do papel. E você não precisa viver só de grandes viagens.

2019 está quase no fim mas ainda dá tempo de aproveitar os últimos feriados e finais de semana e conhecer lugares que sejam mais próximos e acessíveis para você.

Aqui você confere dois super guias com dicas para você encontrar passagens aéreas mais baratas e ainda, um checklist para verificar todos os detalhes.

8. Fuja da alta temporada

Essa é uma ótima dica para você que está procurando por viagens baratas e consequentemente, conseguir viajar mais: tente casar sua viagem com o período de baixa temporada.

Lembre-se que cada lugar tem sua baixa e também alta temporada, quando os preços são sempre mais altos que no resto do ano. Vale a pena pesquisar para economizar.

9. Nem sempre dinheiro é o problema

As vezes é só falta de tempo mesmo, ou organização. Em meio a tantas tarefas e projetos pessoais, profissionais… a máxima de que tempo é dinheiro nunca foi tão válida!

Por isso, se você quer viajar no final do ano, por exemplo, a hora de programar-se é agora. Afinal, já é setembro (data de publicação do artigo).

Se você é uma pessoa que procrastina com tudo e deixa tudo pra última hora, certamente isso vai atrapalhar e muito o seu planejamento. Faça um checklist de todos os itens que envolve sua viagem e vá providenciando tudo passo-a-passo.

10. Seja realista

Alguns destinos serão sempre caros, por mais que você tenha feito um bom trabalho na organização do orçamento. Por isso, você deve focar muito naquela tão sonhada viagem para Fernando de Noronha ou Paris .

Quando o assunto é viagens baratas, é preciso ter clareza de que embora o seu desejo fosse hospedar-se num hotel luxuoso, as vezes a grana só dá pra pagar um bom e velho hostel. E isso necessariamente não é alto tão ruim.

Dicas práticas para viajar mais – Como deixar a viagem mais barata

11. Fique de olho nas promoções

Dica clássica para viagens mais baratas: fique de olho nas promoções de passagens aéreas e reservas de hotéis. Vez por outra aparecem preços inacreditáveis para destinos nacionais e internacionais.

Você pode utilizar diversos sites como Google Voos, KAYAC e Trivago. Tradicionalmente, as companhias aéreas realizam promoções que vão de sexta até domingo. Fique de olho!

12. Utilize milhas aéreas

O segredo para conseguir acumular muitas milhas é pagar tudo no cartão de crédito – desde o cafezinho diário até compras de valores maiores. Procure por cartões que ofereçam mais milhas por dólar gasto. Além disso, escolha um bom programa de milhagens e procure sempre voar com a mesma companhia aérea.

Se você não sabe como funcionam os programas de milhas e os benefícios para sua viagem, confira essa publicação.

13. Faça trabalhos voluntários durante suas viagens

Muita gente não sabe mas é possível trocar habilidades por hospedagens em muitos destinos ao redor do mundo. Funciona assim: você indica suas habilidades, que pode ser por exemplo, jardinagem, cozinha, ensinar alguma língua, organização, e troca por estádia em hostes e pousadas.

A ideia vai além do simples economizar e envolve trocar experiências entre você e pessoas ao redor do mundo.

14. Visite atrações gratuitas

À depender do destino da sua viagem, um simples passeio pode lhe custar uma boa grana. Prefira visitar atrações gratuitas que estejam disponíveis ou quando não for possível, siga a regra de sempre reservar com antecedência.

Hoje em dia não é preciso mais estar no destino para reservar ingressos e passeios. Dá pra reservar tudo pela internet em sites como o Levarti Turismo de experiência.

15. Compre pouco

Ou melhor, não compre quase nada, só lembrancinhas.  Não há nenhum problema em fazer compras, mas a necessidade de encher malas e malas com compras – para você, seus familiares e amigos – tende a aumentar bastante o custo da viagem. Além dos gastos com as compras em si, ainda tem o problema do excesso de bagagem



Gostou? Compartilhe nas suas Redes Sociais! :)